Rui Costa, das camada jovens do Benfica a Maestro da Luz

Passagens da carreira do “10” ao serviço do clube encarnado

Rui Manuel César Costa nasceu no dia 29 de Março de 1972 na Damaia , concelho da Amadora. Com 9 anos de idade resolve testar as suas capacidades num treino de captações do Benfica. Posteriormente a este treino, seguiram-se 8 anos de formação nas camadas jovens do clube da Luz.

Na época de 90/91, Rui Costa chega a sénior e é emprestado ao Fafe (II B- Zona Norte).

Após uma época de empréstimo regressa ao Benfica para cumprir o seu sonho, estrear-se na primeira liga pelo seu clube. Seguem-se 3 épocas de grande qualidade, onde conquista uma Taça de Portugal e um Campeonato Nacional, a juntar à glória obtida com a vitória no Mundial de Sub-20 em 1991 ao serviço da Seleção Portuguesa.

Após todo o sucesso conseguido em Portugal são vários os clubes a quererem contratar o médio-ofensivo do clube encarnado, mas quem chega primeiro é a Fiorentina Viola TV, que não hesitou em desembolsar 1,2 milhões de contos (equivalente a cerca de 6 milhões de euros nos dias de hoje), o jogador parte para Itália e assina pelo clube de Florença.

Após 12 épocas de enorme sucesso em Itália, o Maestro (alcunha atribuída pela forma como pautava e comandava o jogo da sua equipa) é um jogador conceituado a nível mundial e com 34 anos sente que é hora de voltar a casa.

Na época de 2006/2007 Rui Costa é anunciado como reforço do Benfica e é recebido em apoteose na Luz.
Realiza 2 temporadas no futebol português, na primeira não consegue dar o contributo desejado devido a uma lesão, na segunda, no último ano da carreira, é considerado o melhor jogador da equipa, contudo não consegue guiar o seu clube à conquista de nenhum troféu.

No dia 11 de Maio de 2008 chega o dia da retirada do “10”, aos 36 anos despede-se dos relvados onde sempre quis, no Estádio da Luz. Terminando assim uma carreira onde conquistou o respeito de todos e que lhe permitiu afirmar-se como um dos melhores jogadores de sempre do futebol português.

Três dias depois é anunciado como director desportivo do Benfica, cargo que ocupa até aos dias de hoje, não obstante já declarou que sonha um dia ser Presidente do clube do seu coração.

Veja aqui alguns dos melhores momentos da carreira de Rui Costa

 

 

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR