Top 7 Treinadores em Portugal 2018/2019

Resultado de imagem para bruno lage benfica

1º- Bruno Lage- Benfica

O grande obreiro do Título Nacional para o clube da Luz, um título que a determinado momento pareceu impossível e terá sido dos mais “saborosos” dos últimos anos para os adeptos encarnados.
Bruno Lage é contratado no início de temporada para assumir o cargo de treinador principal da equipa B, chega como o ex- adjunto de Carlos Carvalhal que fez companhia ao técnico nesta passagem por Inglaterra, mas que já conta com um passado ao nível da formação nas águias.
Antes de assumir o plantel principal do Benfica, Lage tinha 15 jogos na equipa secundária dos encarnados e 8 vitórias, é anunciado inicialmente como sendo um treinador de transição enquanto o Benfica procura a melhor opção para substituir Rui Vitória, José Mourinho era o nome desejado por Luís Filipe Vieira.
Estávamos a 6 de Janeiro, quando Lage ocupa pela primeira vez o cargo de treinador do Benfica, na ressaca da derrota sofrida frente ao Portimonense que motivou a saída de Rui Vitória.
Frente ao Rio Ave no Estádio da Luz, o clube encarnado começa a perder o jogo por 2-0 logo aos 20 minutos, contudo conseguem uma reviravolta e ganham por 4-2.
A pouco e pouco, Lage vai introduzindo as suas filosofias e jogadores para melhor executarem a sua ideia de jogo, o Benfica de Lage demora a carburar, mas continua a acumular vitórias que vão permitindo ganhar confiança, uma delas frente ao Vitória de Guimarães em jogo que o Benfica foi inferior mas consegue garantir os 3 pontos com um golo de Seferovic ao cair do pano.
Surge a primeira derrota da era Lage frente ao FC Porto nas meias finas da Taça da Liga, mas é em Alvalade que se dá o momento chave com uma vitória em ritmo avassalador frente ao rival da Segunda Circular por 4-2.
A partir daí o Benfica ganha uma enorme confiança e começa a pensar que a “Reconquista” é possível, ganha 10-0 ao Nacional, e ganha na Turquia frente ao Galatasaray com 6 miúdos da formação no 11.
O principal momento acaba por chegar no dia 2 de Março, altura em que os comandados de Lage vencem no Dragão e assumem o 1º lugar da classificação para não mais o largar até final.
Na Taça de Portugal e apesar da vitória na primeira mão, o Sporting com Bruno Fernandes em destaque leva de vencido este Benfica que se fica pela meia final.
Na Liga Europa o Benfica também não consegue aproveitar a vantagem trazida da primeira mão em que João Félix marcou um hat-trick e acaba eliminado pelo Eintracht Frankfurt.
Estes 2 jogos foram os pontos mais negativos de Bruno Lage ao comando do Benfica, mas com certeza os adeptos perdoarão estes deslizes, visto que acaba por conquistar o objetivo principal, o Título Nacional.
Inúmeros foram os jogadores que cresceram com Bruno Lage e pareciam estar encostados com Rui Vitória, Ferro e Florentino começaram a aparecer e afirmarem-se, Samaris e Gabriel parecem ter ganho nova vida na Luz, e principalmente João Félix a maior aposta do treinador que rubricou uma excelente temporada e parte agora para o futebol espanhol para representar o Atlético de Madrid, outros jogadores subiram também de produção e acabaram a época em alta, como Pizzi, Rafa e Seferovic, todo o mérito para Bruno Lage, o treinador do ano 2018/19 a nível nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR