Honduras acusam Austrália de espionagem com drone

O selecionador das Honduras, Jorge Luis Pinto, acusou a Austrália de tentativa de espionagem, isto após um drone ter sobrevoado o treino da seleção hondurenha, antes da 2ª mão do playoff de apuramento para o Mundial de 2018.

A seleção hondurenha mostrou o seu descontentamento nas redes sociais, depois de as autoridades terem visto um drone a sobrevoar a sessão de treino de segunda-feira. “Seleção de Honduras chateada pela espionagem australiana com um drone”, escreveu a seleção na sua conta do Twitter.

O selecionador das Honduras falou acerca da situação na conferência de imprensa de antevisão, dizendo que não aceita a explicação do staff do estádio, que explica que se tratou de um caso acidental de um pai e de um filho a brincar com um drone num parque das proximidades.

“Não vamos ser inocentes. É uma espionagem no futebol”, disse.

Já da parte da Federação de Futebol Australiana, foi dito que não tinha nada a ver com o drone. O selecionador da Austrália, Ange Postecoglou, assegurou que a sua prioridade é levar a equipa ao quarto Mundial consecutivo e que não se distraiu com a situação.

A primeira mão ocorreu na sexta-feira e terminou com um empate a zero, deixando tudo em aberto para a segunda mão que se joga amanhã (quarta-feira) no Estádio Olímpico de Sydney.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR