Sp. Braga foi roubado em França

As chuteiras dos jogadores do Sp. Braga foram roubadas depois do treino de ontem no estádio Velodrome, onde os arsenalistas irão defrontar o Marselha em jogo a contar para a fase de grupos da Liga Europa. O desaparecimento das chuteiras coloca em risco a realização do encontro entre as duas equipas. A polícia francesa já está a investigar o caso tendo procedido à recolha de impressões digitais no balneário dos minhotos. O Marselha também já se disponibilizou a ajudar no que fosse preciso. Pode parecer um exagero a não realização do jogo por causa do desaparecimento das chuteiras, mas trata-se de um equipamento sensível e personalizado.

A UEFA está a par do caso e já contactou as marcas para que se deslocam ao hotel onde a equipa se encontra e disponibilizarem novas chuteiras. O organismo que rege o futebol europeu tem o clube francês debaixo de olho mesmo que ainda não se saiba quem esteve na origem deste roubo.

Recorde-se que, ao cabo de três jornadas, o Sp. Braga lidera o grupo F de forma destacada com 9 pontos, com os checos do Slovan Liberec no 2º posto com 4 pontos, o Marselha com 3 e o Groningen com 1 ponto.

O jogo está marcado para hoje às 18h00.

De referir também que o estádio Velodrome, onde ocorreu o assalto, é uma dos estádios que irá acolher o euro 2016.

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR