Jogador do Manchester United: “Cristiano Ronaldo é o meu herói”

Andreas Pereira, jogador que vai-se afirmando no plantel principal do Manchester United, concedeu uma entrevista ao site do clube onde confessou a sua admiração por Cristiano Ronaldo.

Veja também: Jogador do FC Porto furioso com mulher ao descobrir que não era pai do seu filho

O jovem brasileiro revela que acompanhava os red devils quando era mais novo com o seu pai e nessa altura astro português chamou a sua atenção não só pela sua habilidade técnica, mas também pelo facto de nunca atirar a toalha ao chão e nunca virar a cara à luta.

“Quando comecei a ver os jogos do United na televisão com o meu pai, haviam tantos jogadores de qualidade naquela equipa. Para mim, no entanto, um destacava-se dos outros. Havia este jogador, mais jovem que a maioria dos colegas, que estava sempre a mostrar habilidades.

Atiravam-no para o chão mas ele levantava-se e tentava fintar exatamente o defesa que o tinha deitado ao chão. Muitos são atirados e desaparecem. Mas este rapaz não. Queria sempre mais e mais”, afirmou.

Veja também: “Façam a contabilidade. João Félix foi vendido por 48 milhões de euros”

Pereira diz mesmo que Ronaldo era o seu herói no futebol.

“Mais ainda que o espírito, amava a maneira como ele jogava, especialmente a forma como rematava. A forma como acertava na bola, os tiros de longa distância, por isso é que para mim sobressaia sempre, porque o que ela fazia era o que eu queria fazer. Ele conseguia fazer tudo, mas mais importante, marcava o tipo de golos que eu queria marcar… Na verdade, é o que ainda quero fazer. E é por isso que o Cristiano Ronaldo era o meu herói no futebol“, referiu.

Veja também: Ana Gomes arrasa decisão sobre SAD do Benfica: “É cuidado e carinho?”

O brasileiro de 22 anos recordou o dia em que concretizou o sonho de conhecer o craque luso. O jogador aproveitou a presença de Anderson e Nani para chegar a Ronaldo, que na altura já estava no Real Madrid. O goleador português deu-lhe muitos conselhos.

Estás no clube certo, continua a fazer o que fazes, trabalha duro. Conheço as pessoas no United e elas vão ajudar-te a tornares-te num jogador melhor“, aconselhou na altura.

Veja também: Mourinho não tem dúvidas do que Ronaldo estará a fazer aos 50 anos

Depois os dois foram-se cruzando ao longo dos anos. Em 2013, num duelo entre o Manchester United e o Real Madrid onde foi apanha-bolas, Pereira ficou com as luvas de CR7, que ainda hoje as tem “guardadas em minha casa e ninguém lhes toca“.

No mesmo ano voltaram a cruzar-se quando representava o Granada, mas não conseguiu a camisola do capitão de Portugal. Só no ano passado, em que esteve emprestado ao Valência é que conseguiu a ambicionada camisola.

Está emoldurada em minha casa. Toda a gente pode ver, ninguém pode tocar“, concluiu.

Veja também: Messi responde ao convite de Cristiano Ronaldo para um jantar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR