Mulher e filhas de Pep Guardiola estavam no atentado de Manchester

O atentado de Manchester que vitimou 22 pessoas e fez 59 feridos causou grande preocupação a Pep Guardiola, já que as suas filhas e a sua mulher se encontrava na Manchester Arena a assistir ao concerto de Ariana Grande.

Segundo informa o diário catalão Mundo Deportivo, a família do técnico do Manchester City não sofreu qualquer tipo de ferimento, mas de momento encontram-se em estado de choque e de consternação pelo sucedido.

Os momentos de terror que viveram causou danos psicológicos à família de Guardiola.

De resto o técnico espanhol foi uma das personalidades do desporto a manifestar o seu sentimento de pesar pelo sucedido.

Em choque. Não consigo acreditar o que aconteceu esta noite. Envio as minhas mais profundas condolências às fanmílias das vítimas e amigos dos afetados“, escreveu na sua conta da rede social Twitter.

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR