VÍDEO: Jesus revela as palavras que levaram o jogador do Botafogo à fúria

Na conferência de imprensa posterior à vitória do Flamengo sobre o Botafogo, Jorge Jesus abordou o momento polémico que protagonizou com Joel Carli.

Veja também: VÍDEO: Jogador do Botafogo furioso com Jesusapós provocação do português

O técnico português condenou a estratégia do adversário, que jogou com excesso de agressividade. Jesus fala mesmo de uma caça ao homem, nomeadamente a Gabriel Barbosa e Bruno Henrique.

Sem papas na língua, Jesus revelou as palavras que despoletaram a fúria de Carli no final do jogo.

Nos primeiros 20 minutos o nosso médico entrou cinco vezes para assistir o Gabigol. Foi caça ao jogador, Gabigol e Bruno Henrique. Aos centrais do Botafogo interessava intimidar e bater. Isto não é futebol, não é assim que ensino os meus jogadores a atuar. Queriam descontrolar o Gabigol mas ele está a crescer emocionalmente como grande jogador que é. Quando acabou o jogo disse ao jogador do Botafogo ‘não valeu a pena baterem tanto, acabaste por perder à mesma’“, atirou ao mesmo tempo que criticou a postura do adversário, nomeadamente dos centrais contrários: “espero que lhes sirva de exemplo porque isto não é futebol.”

Veja também: Benfica arrisca castigo pesado da UEFA após derrota em Lyon

Veja abaixo o vídeo da conferência.

Por seu turno, Carli acusou o treinador do Mengão de ter sido malcriado.

Ele entrou a falar coisas que me faltaram o respeito. Mas deixa lá isso… Fizemos uma primeira parte bem equilibrada. Com um jogador a menos, no segundo tempo, ficou muito difícil”, atirou Carli na flash interview.

Veja também: Ramsey “roubou” um golo cantado a Ronaldo e acabou a pedir desculpas ao português

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR