Bruno de Carvalho arrasa árbitro e VAR do Sporting-Feirense

Bruno de Carvalho, presidente do Sporting, manifestou a sua indignação pela atuação do árbitro e do VAR no Sporting-Feirense. O técnico considera que houve erros que quando o videoárbitro foi chamado a intervir errou.

“Queria agradecer ao Luís Ferreira, hoje deu-me algumas lições, é bom. Aprendi hoje que afinal uma falta antes de um golo é falta, não é golo. O que é simpático ter aprendido hoje porque pensava isso no jogo do FC Porto. Afinal aprendi hoje. Uma falta antes do golo, não é golo. Aprendi também que quando se dá um amarelo a um jogador que se espera o tempo que a equipa que provocou o amarelo se recoloque taticamente. É uma nova regra. A equipa coloca-se taticamente e aí é que apitamos para seguir.

Na primeira tinha dúvidas, essa não conhecia. Também consegui perceber que quando há um lance de falta mas segue e toca num jogador da equipa contrária e a equipa volta a recuperar a posse, como foi o lance do Sporting, que o golo é anulável. Foram uma série de lições.

Agradeço quer ao árbitro, quer ao VAR, estiveram muito bem. É assim que no futebol português devemos estar. Quando vemos os jogos dos 3 grandes este fim de semana tiramos grandes ilações porque é que no dia 17 os sportinguistas se têm de deixar de tretas e continuarmos este trabalho ainda mais forte, porque no futebol estamos sempre a aprender”, afirmou o presidente dos leões, agradecendo ainda aos “quase 42 mil adeptos que acreditaram do início ao fim”.

Bruno de Carvalho apelou ainda aos sócios para que comparecerem em força no dia 17, na Assembleia Geral.

Veja o vídeo acima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *