Fernando Santos explica Rúben Dias e diz que tem 70% convocatória final

Fernando Santos explicou o motivo pelo qual promoveu a estreia de Rúben Dias na convocatória da Seleção Nacional para os próximos jogos com Egito e Holanda. O selecionador nacional assume que é um central com qualidade e que por isso quer conhecê-lo e vê-lo em ação quando joga sob as suas ordens.

O Rolando também é uma estreia na convocatória. Há uma necessidade de analisarmos os jogadores. Tivemos a oportunidade de convocar o [Edgar] Ié e o Ricardo [Ferreira] do Braga, o Neto, o Pepe, que não pode estar presente. Entendemos que era necessário avaliar as hipóteses de escolha.

Mas há também o caso do Pedro Mendes, entre outros. O Rúben Dias está a jogar com regularidade. Pareceu-me que era importante. É preciso conhecê-lo pessoalmente para ter uma definição clara.

Um jogador pode jogar muito bem na sua equipa, com um treinador com determinadas características, mas também tem que se adaptar ao treinador que sou, ao modelo da equipa. Nada melhor do que um contacto com o jogador. É essa a razão pela qual está aqui. E pela qualidade“, afirmou.

O selecionador nacional assume que esta convocatória está muito perto daquela que poderá ir ao Mundial da Rússia.

“Há vários que não estão aqui e que podiam estar. Não há qualquer critério fechado, mas diria que 70% da convocatória final está aqui. Há vários jogadores que estiveram na convocatória de novembro e que não estão nesta, mas podem estar na fase final.

Se juntarmos as duas convocatórias, a de novembro e esta de agora, estaremos muito perto de apresentar a lista definitiva“, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR