Jornal espanhol critica “os incendiários do futebol português”

O jornal espanhol El País publicou um artigo, com o título “Os incendiários do futebol português“, que se debruça sobre o estado do futebol português. A mesma publicação enumera vários casos e incidentes e aponta o dedo aos dirigentes.

Provavelmente não há no mundo um país com futebolistas mais pacíficos e dirigentes mais violentos. Falamos de Portugal“.

O jornal traz à tona as declarações de Bruno de Carvalho, após a vitória na Assembleia-Geral do Sporting, em que pediu aos adeptos para que boicotassem a comunicação social e que apenas seguissem o canal do clube.

Também Luís Filipe Vieira é criticado pelo jornal espanhol, onde é acusado de branqueamento de capitais e Pinto da Costa de associação criminal.

Por último o El País remata com a seguinte conclusão:

Se o futebol é um barril de pólvora, não é por causa dos futebolistas nem dos árbitros. Portugal vive o melhor momento da sua história futebolística, campeão da Europa das seleções de futebol e de futsal e com as melhores estrelas do mundo, Cristiano e Ricardinho. Neste caso, os problemas não são nos relvados, os sarilhos do futebol português, nascem, crescem e multiplicam-se noutros palcos“.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR