Pinto da Costa reeleito presidente do FC Porto

“Não há Rennies suficientes para os que ficaram com azia”

Em entrevista ao diário desportivo O Jogo, Pinto da Costa abordou a falta de mediatismo no que toca à conquista do título por parte do FC Porto, sobretudo após a chegada de Jorge Jesus ao Benfica.

Veja também: A curiosa mensagem e FOTO de Georgina após mais um título de Ronaldo

O presidente portista respondeu ao seu estilo.

Em termos mediáticos, quando o FC Porto ganha, se não fosse o Jorge Jesus, arranjavam outro pretexto. (…) Arranjam sempre notícias, porque não há “Rennies” suficientes nas farmácias para tratar todos os que ficaram com azia. Mas há uma coisa que ninguém nos tira, que é o título“, atirou.

Veja também: “Prefiro a arrogância de Ronaldo do que a falsidade de Messi”

Pinto da Costa falou também sobre a sua amizade com Jesus. O líder azul e branco garante que a rivalidade entre os dois clubes não interfere no sentimento que nutrem um pelo outro.

Já era amigo do Jorge Jesus antes de ele sonhar sequer ir para o Benfica, continuei a ser quando ele estava lá e no Sporting. (…) Ele quer ganhar no clube onde estiver e eu quero que ele ganhe, mas não ao FC Porto. Quando está num Benfica ou num Sporting, é evidente, se dissesse que queria que ele ganhasse ele próprio não acreditava. (…) Ele também é meu amigo e quer que o FC Porto perca. Não misturo isso e sempre conseguimos pôr isso de lado e manter uma amizade para além das rivalidades que possam existir. E existem muitas vezes nos clubes onde ele está a trabalhar”, concluiu.

Veja também: Bruno Lage pode substituir Sérgio Conceição no FC Porto

One Comments

  1. tudo bem? gostei muito do seu site, parabéns pelo conteúdo. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR