Saraiva revela ameaças de Salvador e fala num apagão em Braga

Nuno Saraiva, diretor de comunicação do Sporting, denunciou algumas atitudes por parte do presidente do Sp. Braga António Salvador, no jogo de ontem.

O diretor de comunicação leonino revela que Salvador terá ameaçado elementos de Núcleos do Sporting e um membro da direção do Sporting. Saraiva acusou ainda o líder bracarense de permitir a entrada no estádio de tarjas ofensivas contra o Sporting e de apagar as luzes aquando da saída dos adeptos leoninos.

Veja a mensagem na íntegra:

“Não é por perdermos um jogo que quem ganha passa de trolha a mestre de obras.

Salvador mostrou o quanto chafurda no lamaçal da sua personalidade e carácter com as seguintes atitudes:

1. Abel, seu treinador e cópia e a quem deram educação como disse na antevisão do jogo, reteve pouco da aprendizagem pois, na primeira oportunidade que teve, agrediu e insultou, pelas costas, um jogador do Sporting CP;

2. Ao intervalo, Salvador ameaçou na tribuna um membro da Direcção do Sporting CP e elementos de Núcleos do SCP;

3. Como cobarde que é, e aos gritinhos como gosta, chamou 4 seguranças para intimidarem os elementos afectos ao Sporting CP;

4. Manteve durante toda a segunda parte do jogo dois desses seguranças para condicionar os elementos afectos ao SCP;

5. O braga permitiu a entrada de faixas ofensivas e reles, como é seu hábito, visando o Presidente do Sporting CP com frases que foram de “escarros” a “branca” em alusões ao caso do túnel e a consumo de droga;

6. O Braga, na altura da saída de quase 2.000 adeptos/sócios do Sporting CP, apagou deliberadamente as luzes do percurso da bancada até ao exterior do estádio, tendo os mesmos que se deslocar por corredores e escadas às escuras.

Tudo isto foi relatado aos delegados da Liga, ao Comandante da Polícia que estava no comando das operações, e vai dar lugar a queixas no CD da FPF, ao IPDJ, e a queixas-crime pelas faixas que irão envolver o OLA do braga, o responsável de segurança do braga e o presidente do braga.

Volto ao início para dizer que, por mais que Salvador cite George Bernard Shaw porque lhe disseram que lhe dava um ar pulido e culto, a ele o que se aplica mesmo bem é o provérbio popular: Quem nasceu para lagartixa, nunca chega a jacaré!

Já agora, descubram as diferenças entre um Clube e um clube:

1. Comemoração da conquista da Taça de Portugal ao braga;

2. Comemoração da conquista da Taça da Liga no Estádio da CM de Braga;

3. Braga comemora, com o seu presidente, a vitória num jogo onde não conquista nada sem ser 3 pontos…

Bela resposta “guerreiros”!
É um palmarés invejável!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR