Sintético não é desculpa para Fernando Santos: “Têm de jogar e ganhar”

Na conferência de imprensa de antevisão à partida de amanhã com a Lituânia, a contar para o grupo B da fase de qualificação para o Euro 2020, Fernando Santos garante que o relvado sintético em que os jogadores da Seleção irão jogar não serve de desculpa.

Veja também: Jogador do FC Porto furioso com mulher ao descobrir que não era pai do seu filho

A palavra de ordem é jogar para vencer.

É sintético. Não é relvado. Isto é uma final. As finais são para ganhar. Não há indicações de meter o pé ou não. Eles têm é que jogar e ganhar. Isto é uma final. Não há cá especulações sobre se é sintético ou não. Com as Ilhas Faroé também era sintético. Contamos com o que o adversário nos pode fazer, por isso sabemos que temos de estar ao nível deles. Eu acredito que vamos ganhar. Tínhamos seis finais antes deste jogo, vencemos a primeira, amanhã vem outra e depois ainda faltam quatro”, afirmou.

Veja também: “Façam a contabilidade. João Félix foi vendido por 48 milhões de euros”

O selecionador nacional falou também de Cristiano Ronaldo, um jogador que considera cada vez mais determinante, até pelos números que apresenta, sobretudo desde que assumiu o comando da equipa das quinas.

Importante é que ele continua a registar números enormes, e não tenho dúvidas de que continuará assim. Qualquer equipa do mundo que tenha Cristiano Ronaldo tem sempre que o potenciar, e é o que temos procurado fazer. Criando condições para fazer o que tão bem faz, que é marcar golos, estamos sempre mais perto de ganhar”, referiu.

Veja também: “Jogar no FC Porto ou no Sporting”: A resposta de André Almeida

Apesar de ser um jogo teoricamente acessível, Fernando Santos adverte para as surpresas que a Lituânia pode causar.

“É uma equipa que trabalha bem, é bem organizada, e, em condições naturais, procura explorar os ataques rápidos, o que é perfeitamente normal. Se tiver espaço para jogar, como qualquer equipa, pode causar problemas. Compete-nos não permitir que a Lituânia não cresça no jogo e acredite“, alertou.

Veja também: Jogadora americana atira-se a Ronaldo pelo desfecho do caso Mayorga

Por último o treinador foi questionado sobre o que alteraria para este jogo, relativamente ao triunfo com a Sérvia.

Há sempre aspetos a melhorar em todos os jogos, especialmente numa equipa que treina dois dias de dois em dois meses. Não vamos fazer nenhum treino para melhorar o que quer que seja. Há que falar com os jogadores e corrigir alguns aspetos, como fazemos sempre”, concluiu.

Veja também: “Ronaldo não precisa de tanta nota artística para fazer o que Messi faz”

Recorde-se que o Lituânia-Portugal disputa-se amanhã, a partir das 19h45.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR