Varandas arrasador: Claques, Marco Silva e as críticas na mira

Frederico Varandas não se conteve ao pronunciar-se sobre o momento que o Sporting vive atualmente.

Veja também: Plantel da Juventus ficou envergonhado ao ver Ronaldo em tronco nu

Na gala Rugidos do Leão, o presidente dos verdes e brancos puxou pela memória para contestar a ideia de que esta está a ser a pior época dos últimos anos.

Veja também: Ramsey “roubou” o golo a Ronaldo e acabou a pedir desculpas ao português

Varandas recordou a era de Marco Silva, com Bruno de Carvalho na direção, em que o Sporting estava numa situação pior da que hoje.

“Muito se tem falado do ‘desastre’ que tem sido o arranque desta segunda época. Mas chamo a vossa atenção para o seguinte: na segunda época da anterior direção, quando Marco Silva era o treinador, à 10.ª jornada, sabem quantos pontos tinha o Sporting? 17. Sabem quantos tem este ano, exactamente à mesma 10.ª jornada? Também 17. Mas hoje estamos em 4.º lugar e na altura éramos 8.º classificado. Não me lembro de ver a histeria que há hoje. Não me lembro deste ruído. Ainda para mais quando fizemos no nosso primeiro ano a melhor época desportiva dos últimos 17“, afirmou.

Veja também: Treinador da Juventus reage à fúria de Ronaldo ao ser substituído no Lokomotiv de Moscovo-Juventus

O presidente leonino lançou um novo ataque ao que chama de ataques e ameaças de uma minoria sportinguista, num discurso que de unificador não tem nada.

“Primeiro porque a maioria dos sportinguistas é silenciosa. Nas derrotas sofre, fica triste, mas não ameaça, não insulta e põe sempre os interesses do Sporting acima de tudo. Pode ser silenciosa mas essa maioria diz sempre presente quando o Sporting precisa. Sempre. (…) Depois existe uma minoria ruidosa que não aceita viver com as regras da democracia e que desrespeita a legitimidade da vontade da maioria dos sócios do Sporting“, referiu.

Veja também: VÍDEO: João Felix ajuda namorada na caça ao voto nas eleições da escola

Por último Varandas puxou dos galões, assegurando a sua direção melhorou o Sporting quer a nível financeiro quer a nível desportivo.

“O Sporting está melhor porque, ao contrário do que muitos diziam, fizemos com grande sentido de responsabilidade, competência e discrição a renegociação de uma reestruturação financeira histórica e decisiva para o futuro do clube. Renegociação essa que permite ao Sporting tão só e apenas aumentar a participação no capital da SAD até próximo dos 90 por cento. E já se nota que há gente a tremer com essa possibilidade! […] Estamos a bater recordes nas receitas na área comercial, merchandising, área corporate e terminaremos este ano como o melhor de sempre nesta área”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR