David Luiz quando representava o Benfica

David Luiz e o dia em que Vieira lhe chamou: “Burro do cara***”

David Luiz concedeu uma entrevista à BTV, onde recordou os seus tempos ao serviço do Benfica.

Veja também: VÍDEO: Georgina enche Mateo de beijos e Eva fica a reclamar atenção

No meio de muitos anos de águia ao peito, o central brasileiro tem muitas histórias para contar, entre elas uma história caricata que envolve hamburgueres.

Veja também: ÚLTIMA HORA: Coronavírus: Comunicado oficial da Juventus

Chegado há pouco tempo ao Benfica, David Luiz descuidou-se com a alimentação e o McDonalds era uma perdição. O brasileiro teve de ouvir das boas de Luís Filipe Vieira.

“Passado quatro/cinco meses de morar sozinho, convidei quatro/cinco amigos. Um dia o presidente [Luís Filipe Vieira] liga e diz-me “passa no estádio, quero falar contigo”. Entrei de boné: ‘Tira mas é o chapéu, pá! Mais respeitinho, pá’. Sentei-me, ele pega num papel e diz: ‘Gostas de hambúrguer?’. Estás a fazer anos todos os dias?’ E eu a dizer que não, sem entender. ‘Vamos ver aqui. Segunda-feira 23h00, 25 cheeseburger, terça-feira 22h00…” Íamos todos os dias ao McDonalds. “Tu não conheces o Benfica? Isto é o Benfica! Estás a brincar, a comer hambúrguer todos os dias?”. Saí dali e fiquei um ano sem comer. O presidente queria matar-me! Mas tenho muito respeito por ele. ‘Ainda nem estás a ganhar dinheiro e já estás a trazer amigos pá, És um burro do c…“. Ele ensinou-me muito”, contou.

Veja também: VÍDEO: Rui Santos: “A Liga não acabou porque o Benfica não lidera”

O momento em que deixou a Luz para rumar ao Chelsea foi muito difícil.

O presidente não queria que fosse embora e deu mais que o Chelsea. ‘Vou perder o homem’. Saí no último dia. O Rui Costa trata-me por afilhado“, atirou.

Veja também: Revelados os salários milionários de Ronaldo e jogadores da Juventus

O sonho europeu do Benfica também foi tema de conversa e David Luiz não tem dúvidas de que se os encarnados pudessem manter os seus jogadores, lutariam pela Liga dos Campeões.

Sem dúvida! Se conseguisse segurar todos os jogadores… Na Champions, o jogo que ganhei ao Benfica foi dos mais difíceis que ganhei e não merecíamos [em Londres]. No jogo em Inglaterra, o Maxi expulso, deram show, com dez. O Pablo [Aimar] foi o melhor com quem joguei. O meu sonho é ser campeão europeu pelo Benfica, não sei se como jogador ou como treinador“, referiu.

Veja também: Azar bate à porta do FC Porto: Baixa de peso para o resto da época

E o brasileiro já anda a preparar-se para ser treinador.

“Gostava de ser treinador. Amo isso. Criei uma equipa de futsal em Paris, treinava uns meninos até à meia-noite sem o PSG saber. Tenho estudado para isso e preparado. Faltam anos, no dia em que puder ser treinador do Benfica vou estar preparado“, concluiu.

Veja a entrevista completa no vídeo abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR